Notícias

O aumento da procura dos cursos superiores de Filosofia “não está a ser determinada pelo mercado de trabalho”. A avaliação é de Amândio da Fonseca, administrador do Grupo Egor, uma consultora de recursos humanos, segundo o qual a empresa não recebe pedidos para contratação de licenciados em Filosofia “há muito tempo”.

Fonte: Publico (12/2016)

ver artigo completo >

Pesquisar por: