Notícias

Março, 2015

Numa edição recente do Expresso, a imagem das mulheres que lideram os poderosos ministérios das Finanças, Justiça, Agricultura e Administração Interna é o testemunho de que algo está a mudar no reino da Dinamarca das desigualdades de género.

No entanto, e apesar da generalização dos casos de ascendência feminina em responsabilidades de natureza científica, intelectual ou política, a situação global de desigualdade económica e social a que mesmo as sociedades mais evoluídas continuam a sujeitar as mulheres constitui uma manifestação iniqua de um poder que está condenado a perecer, em data incerta, com a vitória da razão moral.

 
Continuar...
 

Pesquisar por: